Passar para o Conteúdo Principal Top

covid-19_icon_300px-02

Logótipo

municipio

WAKE UP

Cultura
Wake up banner evento f 1 1200 800
04 Jun
Adicionar a calendário 2021-06-04 20:00:00 2021-06-04 20:00:00 Europe/Lisbon WAKE UP + Teatro Teatro Diogo Bernardes

+ Teatro

A 4 de Junho, às 20h00, o Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima, apresenta o espectáculo de Teatro “WAKE UP”, pela companhia A Turma.

WAKE UP é um trabalho de reescrita e adaptação do texto “Wake Up And Smell The Coffee” do premiado actor e autor norte-americano Eric Bogosian. Este monólogo, primeira criação assinada por António Parra na companhia A Turma, em colaboração com Luís Araújo, cruza a linguagem dos dois criadores com a escrita cáustica e lancinante de Bogosian diluindo a fronteira entre teatro e stand-up, entre intérprete e público e actor e personagem. Nesta reescrita, apesar do alvo ser o actor, aponta-se o foco ao público: a sede de sucesso, a ansiedade que isso provoca, a espiritualidade pop, o caos e a alienação da vida pós-moderna. Uma sucessão vertiginosa de personagens moralmente questionáveis e à deriva entre a conformidade e a hipocrisia procuram desesperadamente capitalizar a dor, a miséria e o desastre. O universo não perdoa ninguém e nós não perdoamos ninguém. Nem nós próprios.

No fundo no fundo para podermos seguir em frente vamos rodeando-nos de paliativos inócuos. Este espetáculo é um deles.

A partir de um texto de: Eric Bogosian
Tradução: Luís Mestre
Interpretação: António Afonso Parra
Encenação: António Afonso Parra, Luís Araújo
Cenografia: Ana Gormicho
Desenho de luz: Rui Monteiro
Sonoplastia: João Oliveira
Desenho de som: Joel Azevedo
Vídeo e fotografia: Francisco Lobo
Fotografia: Sara Pazos
Design: Francisco Ribeiro
Direção técnica: Zé Diogo Cunha
Produção administrativa e executiva: Ludovica Daddi
Produção: A Turma (estrutura financiada pela República Portuguesa - Ministério da Cultura / DGArtes)
Coprodução: Casa das Artes de Vila Nova de Famalicão, Teatro Nacional São João, Teatro Virgínia
Apoios A Turma: A Liga, Fundação Escultor José Rodrigues, Antena 2, Fnac Santa Catarina, Rádio Nova, Revista Intro, Revista gerador
Mecenas A Turma: Brochado Coelho e Associados, Central de Informação

Agradecimentos: Agente a Norte, Albertina Parra, Alessandra Mencancini, APPC, Artur Parra, ASSéDIO Teatro, Bernardo Daddi, Celso Miguel, Chiara Gazzarrini, Filipa Telo Alves, Helder Alves, Isabel Varela, Luísa Quintela, Marcelino Teixeira, Maria João Maia Rosa, Marília Júlio Teixeira, Paulo Cunha Martins, Tom Cruise e a Igreja da Cientologia.

Horário:

20h00

Local:
Teatro Diogo Bernardes
Preço:

Os bilhetes (5,00€) serão disponibilizados na bilheteira do Teatro Diogo Bernardes a partir do dia 26 de maio às 9h30 e na bilheteira eletrónica a partir das 14h00 no seguinte Link: (https://www.bol.pt/Comprar/Bilhetes/96303-wake_up_a_turma-municipio_de_ponte_de_lima).

O número máximo de entradas a adquirir na bilheteira física, apenas no caso de existirem filas, será de 4 bilhetes por pessoa, cumprindo-se a lotação estabelecida em cumprimento do Plano de Contingência Covid-19, de acordo com a planta da sala adaptada em função do mesmo (https://www.facebook.com/teatro.diogo.bernardes/photos/pcb.3457943540904166/3457846717580515/).

- Lugares individuais na plateia e para coabitantes (2, 3 e 4 lugares) nas frisas e camarotes.

- Os bilhetes para as frisas e camarotes serão vendidos em bloco, na totalidade dos lugares.

Maiores de 16 anos.

Duração Aproximada: 70m

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.

Informação adicional:

MUITO IMPORTANTE:
- As portas abrirão, pelo menos, uma hora antes do início dos espectáculos e pede-se aos espectadores que compareçam mais cedo, com, pelo menos, meia-hora de antecedência para se efectuarem todos os procedimentos de segurança.
- Os espectáculos terão início à hora marcada.
- Não será permitida a entrada após o início dos espectáculos.
- Os espectadores devem cumprir rigorosamente todas as instruções dos assistentes de sala, devidamente identificados e em nenhum caso poderão trocar de lugares ou deslocar-se pelo recinto sem motivo justificado.
- No final de cada espectáculo, os espectadores deverão, obrigatoriamente, permanecer sentados nos seus lugares até serem instruídos pelos assistentes de sala para abandonar o recinto, por local diferente da entrada, de forma disciplinada e respeitando o distanciamento físico.

POR FAVOR, NÃO ESQUEÇA:
- É obrigatório o distanciamento físico de 2 metros no acesso ao recinto e às bilheteiras (a lotação da bilheteira do Teatro Diogo Bernardes é de 1 pessoa).
- É obrigatória a medição de temperatura de todos os presentes, sem registo escrito, à entrada do recinto.
- É obrigatória a higienização das mãos à entrada no recinto.
- É obrigatório o uso de máscara por parte do público durante todo o tempo dos espectáculos.
- A abertura do teatro será antecipada para assegurar o acesso atempado ao mesmo, devendo os espectadores dirigir-se de imediato aos lugares indicados pelos assistentes de sala, cumprindo rigorosamente as instruções dos mesmos.
- A permanência nos locais de atendimento deve ser limitada ao tempo estritamente necessário à realização do atendimento.
- O bar do Teatro Diogo Bernardes encontra-se encerrado.
- Nas instalações sanitárias, feminina e masculina, apenas serão permitidas duas pessoas em simultâneo, situação que será sempre controlada por um assistente de sala à entrada das mesmas.
- Não será permitida a permanência de espectadores no interior do Teatro Diogo Bernardes após o final dos espectáculos.

Agradecemos a colaboração de todos para continuarmos a oferecer Serviço Público de Cultura.