Passar para o Conteúdo Principal Top
Logótipo

municipio

Ler na livraria de Frei Francisco de São Luís Saraiva

Publicações
Frei francisco 1 1024 2500
27 Janeiro 1994

CARDOSO, António Manuel de Barros - Ler na livraria de Frei Francisco de São Luís Saraiva. Porto : [s.n.], 1994. 405 p. ISBN 972-96581-0-2.

  • Preço: €13,00 (inclui o valor da taxa de IVA legal em vigor)
  • Como encomendar: contacte-nos através do e-mail: arquivo@cm-pontedelima.pt 

Introdução

O texto agora tornado público, constitui uma versão muito próxima da dissertação apresentada à Faculdade de Letras da Universidade do Porto e defendida em 14 de outubro de 1994, em provas de aptidão pedagógica e capacidade científica na área de História Moderna.
Trata-se de um estudo que incide sobre o inventário manuscrito da biblioteca de Frei Francisco de São Luís Saraiva, cujo objeto inicial se circunscrevia à análise de um dos raros inventários de livrarias privativas do século passado. No entanto, a personalidade marcante do colecionador, o seu percurso religioso, intelectual e político, impediram-me de resistir à tentação de olhar mais de perto os seus objetos de leitura e a partir deles indagar sobre as principais vertentes culturais representadas, tendo presente o propósito de saber em que medida a absorção das múltiplas doutrinas que encerram, ajudaram ou foram mesmo determinantes no seu percurso.

A realização deste trabalho não teria sido possível sem a colaboração desinteressada de quantos, ao longo de três anos, de uma ou de outra forma, contribuíram para criar em mim o ânimo indispensável à sua concretização. Devo por isso exprimir aqui a minha penhorada gratidão ao Senhor Prof. Doutor Luís A. de Oliveira Ramos, não só pela cedência do manuscrito estudado, mas também pelo estímulo, pela disponibilidade e bom conselho que nos foi prestando ao longo da realização desta dissertação, enquanto orientador científico. Quero também deixar testemunho de agradecimento ao Senhor Prof. Doutor Humberto Baquero Moreno, que, para além de contribuir com o seu estímulo, mostrou sempre a maior compreensão para as circunstâncias que rodearam o nosso labor. Ao Senhor Prof. Doutor Francisco Ribeiro da Silva, agradeço a minuciosa atenção e disponibilidade demonstradas no valioso auxílio que nos prestou na leitura do manuscrito, bem como a coragem que nos momentos de insegurança, discretamente, nos soube transmitir. Ao Senhor Prof. Doutor José Marques, fico grato pela ajuda na leitura das referências bibliográficas em latim. Ainda uma nota de apreço pela colaboração que, em Bordéus e no Porto, nos foi prestada pelo Prof. Doutor François Guichard. À Prof. a Doutora Marie-Hélène Piwnic, fico grato pela disponibilidade com que nos ouviu naquela Universidade francesa e pelo seu contributo ao alargar horizontes no nosso espírito, sobre as temáticas abordadas neste trabalho. Ao Magnífico Reitor da Universidade de Coimbra, Prof. Doutor Rui Alarcão, agradeço a prontidão com que anuiu ao nosso pedido de autorização para fotografar o retrato do Cardeal Saraiva, existente na Sala do Senado daquela Universidade.

Agradeço à Câmara Municipal de Ponte de Lima, nas pessoas Ilustres do seu Presidente, Senhor Eng. o José Daniel Rosas Campelo da Rocha e Senhor Vereador Dr. João Gomes de Abreu Lima, a oportunidade que nos deram de tornar público o nosso labor. Uma palavra final para relevar o empenho nesta publicação dos Senhores Eng. o João Abreu Lima e Prof. Doutor José Nuno de Oliveira, a quem fico muito grato.

ANTÓNIO M. DE BARROS CARDOSO