Passar para o Conteúdo Principal Top
Logótipo

municipio

Ponte de Lima regista mais 830 novos postos de trabalho e a taxa de desemprego mais baixa do Distrito

Economia
Pacosconcelho pontedelima 1 1024 800
01 Abril 2019

O Concelho de Ponte de Lima, de acordo com os dados fornecidos pela Segurança Social, registou em 2018 um saldo positivo de mais 94 empresas e 830 postos de trabalho relativamente ao ano anterior. De notar, ainda, a baixa taxa de desemprego divulgada pelo INE (Instituto Nacional de Estatística) de apenas 3,75% reportada a fevereiro deste ano, uma das mais baixas de sempre e a mais baixa do distrito.

Mesmo neste cenário, manifestamente positivo, o Município continuar a apostar fortemente na criação de emprego, preferencialmente, qualificado, enquanto estratégia que tem contribuído para a concretização dos resultados anteriormente mencionados.

No que diz respeito às condições de atratividade e mesmo perante o esforço financeiro que está implícito a algumas dessas opções, tem sido possível à autarquia manter os benefícios fiscais que dependem de decisão dos órgãos municipais, bem como, outras medidas que possam levar a uma redução do custo de instalação ou funcionamento das empresas, permitindo libertar liquidez às empresas.

Estas medidas, associadas às excelentes condições físicas para o acolhimento empresarial, às excelentes acessibilidades do concelho e à qualidade de vida existente, fizeram aumentar significativamente o número de empresas que nos últimos anos apostaram em Ponte de Lima para concretizar ou expandir os seus investimentos.

Este cenário tende ainda a melhorar se considerarmos que muitos dos processos de licenciamento de empesas que se irão instalar nos Polos Industriais municipais da Queijada e da Gemieira, foram concluídos durante 2018, registando-se uma grande dinâmica de construção no primeiro trimestre deste ano. 

As empresas podem também contar com o apoio do Município, nomeadamente através de projetos específicos, que promovam a valorização económica dos recursos endógenos, que permitam a afirmação dos seus produtos e a procura de novos mercados. Assim e reconhecendo a importância do apoio a projetos/ideias que potenciem e valorizem os recursos do concelho e sejam geradores de emprego, o Município tem disponíveis diversos tipos de apoio, dos quais se destacam os programas Terra Finicia e Terra Incubadora, podendo os empresários dirigir-se ao Gabinete Terra, enquanto serviço da autarquia que os coordena. A realização de eventos, feiras e exposições ao longo do ano visando a promoção e valorização dos recursos endógenos e da economia local, são também outra iniciativa que é necessário ter em conta enquanto contributo fundamental para aquela estratégia.