Passar para o Conteúdo Principal Top

covid-19_icon_300px-02

Logótipo

municipio

PALMIERS + BARDINO – Noite Saliva Diva

Cultura
Tdb fb evento 1047x550 1 1024 2500
26 Jun
Adicionar a calendário 2021-06-26 20:00:00 2021-06-26 20:00:00 Europe/Lisbon PALMIERS + BARDINO – Noite Saliva Diva + Música Teatro Diogo Bernardes

+ Música

A 26 de Junho, às 20h00, o Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima, apresenta o espetáculo de Música “PALMIERS + BARDINO – Noite Saliva Diva”.
 
 
PALMIERS - PALMIERS (2020)
Chegámos a Pequim. As luzes do aeroporto desaparecem no horizonte, entre os cardumes de casas que parecem ninguém, os postes da luz fardados de semente de outros destinos e os diferentes sinais de trânsito, que com outra cara significam o mesmo que os nossos. Uma hospedeira corre tresloucada pelo apeadeiro e grita pelo nosso nome, o que nos obriga virar a cara e a arrastar as malas enquanto ela nos transporta pelo braço até um voo incógnito. Já a bordo, descobrimos que o destino fica algures na América do Sul. A repousar nos assentos designados a viajantes espontâneos estão folhetos de uma banda - PALMIERS. Descem uns auscultadores de um compartimento acima das nossas cabeças, colocamo-los consoante as instruções, e somos transportados de continente em continente por uma música feita à medida da topografia que as nuvens ocultam. Fenómenos atmosféricos aparte, a música acompanha-nos até lugares exóticos que não estão presentes nos globos iluminados dos escritórios dos anos 70 e 80, como se um surfista de Honolulu se tivesse infiltrado numa banda de roqueiros com sincronia alemã e sangue latino. Ao aterrar, fica a memória de uma viagem que se deseja repetir, de espontaneidade e irreverência, preenchida por um exotismo com sabor a casa e uma energia de paisagem remota aqui, ao sabor dos dedos.
 
Embora este álbum homónimo marque a estreia em disco dos PALMIERS, este quarteto formado no Porto já tem experiência ao vivo em palcos relevantes como Casa da Música, ZigurFest, Museum Festum, Festival A Porta, entre outros. O rock é a base de onde Ricardo Prado (guitarra), Tito Sousa (bateria), Gabriel Costa (teclados e percussões) e José Silva (baixo) partem em exploração de universos como o krautrock, o tropicalismo, o progressivo e o dreampop.
 
O álbum tem edição marcada para 20 de junho de 2020 e está a cargo da Saliva Diva. É o terceiro lançamento desta editora fonográfica que se pretende afirmar no underground de linguagem universal.
 
 
BARDINO - CENTELHA (2020)
Com uma nova formação em trio, os Bardino apresentam em "Centelha" um registo menos linear e menos ligado ao rock que os anteriores. A banda do Porto desenvolve agora uma narrativa sónica e textural mais consistente e conceptual, com aproximações à eletrónica. Se fecharmos os olhos nas primeiras notas, podemos imaginar o sol transformado em caleidoscópio numa reta estendida pelas planícies alentejanas, com 40 graus a baterem-nos na testa. À medida que o disco avança, somos transportados até ao fluxo calmo de um rio, onde um cacho de uvas se banha em delírios tropicais. Do seu néctar brota o vinho que tão bem acompanha a música dos Bardino - suave, fresca, repleta de cores e de vida, com aroma frutado e, ao contrário do líquido de Baco, excelente companheira de viagem. "Centelha", gravado no início de 2020, é um álbum que não precisa de mapa nem de GPS. Orienta-se muito bem sozinho, seja a grande velocidade pelas autoestradas, contornando as inevitáveis rotundas das estradas nacionais, e por vezes sob a trepidação dos imprevisíveis caminhos de cabras. Guiados pelos teclados de Rui Martins, com Nuno Fulgêncio a alimentar a bateria e Diogo Silva a fazer vibrar o motor com o seu baixo, os Bardino soam a uma banda experimentada que não receia a experimentação.
 
Do Porto para o mundo, via Saliva Diva, a Centelha acaba de se iluminar. O número máximo de entradas a adquirir na bilheteira física, apenas no caso de existirem filas, será de 4 bilhetes por pessoa, cumprindo-se a lotação estabelecida em cumprimento do Plano de Contingência Covid-19, de acordo com a planta da sala adaptada em função do mesmo.
 
 
FICHA ARTÍSTICA
PALMIERS - PALMIERS
Ricardo Prado - Guitarra
Gabriel Costa - Teclados e Percussão
Tito Sousa - Bateria
José Silva - Baixo
 
BARDINO - CENTELHA
Diogo Silva - Baixo
Nuno Fulgêncio - Bateria
Rui Martins - Sintetizador, piano elétrico e vozes
Participação:
- Pedro Cardoso - Guitarra
- Leonardo Outeiro - Guitarra
Horário:

20h00

Local:
Teatro Diogo Bernardes
Preço:
Os bilhetes (4,00€) estão disponíveis na bilheteira do Teatro Diogo Bernardes e na bilheteira eletrónica no seguinte Link: (https://www.bol.pt/Comprar/Bilhetes/96657-palmiers_bardino_noite_saliva_diva-municipio_de_ponte_de_lima/Sessoes).
 
O número máximo de entradas a adquirir na bilheteira física, apenas no caso de existirem filas, será de 4 bilhetes por pessoa, cumprindo-se a lotação estabelecida em cumprimento do Plano de Contingência Covid-19, de acordo com a planta da sala adaptada em função do mesmo (https://www.facebook.com/teatro.diogo.bernardes/photos/pcb.3457943540904166/3457846717580515).
 
- Lugares individuais na plateia e para coabitantes (2, 3 e 4 lugares) nas frisas e camarotes.
 
- Os bilhetes para as frisas e camarotes serão vendidos em bloco, na totalidade dos lugares.
 
Maiores de 6 anos.
 
Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.
Informação adicional:

MUITO IMPORTANTE:
- As portas abrirão, pelo menos, uma hora antes do início dos espetáculos e pede-se aos espectadores que compareçam mais cedo, com, pelo menos, meia-hora de antecedência para se efetuarem todos os procedimentos de segurança.
- Os espetáculos terão início à hora marcada.
- Não será permitida a entrada após o início dos espetáculos.
- Os espectadores devem cumprir rigorosamente todas as instruções dos assistentes de sala, devidamente identificados e em nenhum caso poderão trocar de lugares ou deslocar-se pelo recinto sem motivo justificado.
- No final de cada espetáculo, os espectadores deverão, obrigatoriamente, permanecer sentados nos seus lugares até serem instruídos pelos assistentes de sala para abandonar o recinto, por local diferente da entrada, de forma disciplinada e respeitando o distanciamento físico.

POR FAVOR, NÃO ESQUEÇA:
- É obrigatório o distanciamento físico de 2 metros no acesso ao recinto e às bilheteiras (a lotação da bilheteira do Teatro Diogo Bernardes é de 1 pessoa).
- É obrigatória a medição de temperatura de todos os presentes, sem registo escrito, à entrada do recinto.
- É obrigatória a higienização das mãos à entrada no recinto.
- É obrigatório o uso de máscara por parte do público durante todo o tempo dos espetáculos.
- A abertura do teatro será antecipada para assegurar o acesso atempado ao mesmo, devendo os espectadores dirigir-se de imediato aos lugares indicados pelos assistentes de sala, cumprindo rigorosamente as instruções dos mesmos.
- A permanência nos locais de atendimento deve ser limitada ao tempo estritamente necessário à realização do atendimento.
- O bar do Teatro Diogo Bernardes encontra-se encerrado.
- Nas instalações sanitárias, feminina e masculina, apenas serão permitidas duas pessoas em simultâneo, situação que será sempre controlada por um assistente de sala à entrada das mesmas.
- Não será permitida a permanência de espectadores no interior do Teatro Diogo Bernardes após o final dos espetáculos.

Agradecemos a colaboração de todos para continuarmos a oferecer Serviço Público de Cultura.