Passar para o Conteúdo Principal Top

covid-19_icon_300px-02

Logótipo

municipio

Napoleão ou O Complexo de Épico

Cultura
Napoleao banner evento 30 abril 1 1024 2500
30 Abr
Adicionar a calendário 2021-04-30 20:00:00 2021-04-30 20:00:00 Europe/Lisbon Napoleão ou O Complexo de Épico + Teatro NOVA DATA / REAGENDAMENTO(Espectáculo inicialmente previsto para 15 de janeiro de 2021) Teatro Diogo Bernardes

+ Teatro

NOVA DATA / REAGENDAMENTO
(Espectáculo inicialmente previsto para 15 de janeiro de 2021)

A 30 de abril de 2021, às 20h00, no Teatro Diogo Bernardes, em Ponte de Lima, Napoleão ou O Complexo de Épico, pela Companhia do Chapitô.

Na procura de entender o homem que foi Napoleão e o fenómeno em torno de si criado, debatemo-nos entre o fascínio e o repúdio.

Lança-nos questões políticas e sociais, que mantêm a sua actualidade e pertinência.

A sua ambição pessoal, audácia e determinação levaram-no longe, expandindo territórios, apropriando-se dos ideais da Revolução Francesa. Mais tarde, reaproxima-se de valores aristocráticos que antes repudiara, centraliza em si o poder e auto proclama-se Imperador.

A sua força de vontade era única. A sua queda foi proporcional à sua ascensão. Uma vida romanesca, que reúne todos os ingredientes para uma boa história.

Muito é e continuará a ser dito sobre Napoleão Bonaparte, caberá ao público julgar ou celebrar a figura histórica, o homem que foi Napoleão.

A nós cabe-nos a tarefa de contar, procurando com humor e poesia, os reversos da história. Porque todas as moedas têm duas faces: cara ou coroa.

Criação Colectiva da Companhia do Chapitô
Encenação - Cláudia Nóvoa e José C. Garcia
Dramaturgia - Ramón de Los Santos
Interpretação - Jorge Cruz, Susana Nunes e Tiago Viegas
Direcção de Produção - Tânia Melo Rodrigues
Sonoplastia - Sílvio Rosado
Figurinos - Cláudia Nóvoa e Glória Mendes
Desenho de Luz - José C. Garcia e Saturnino Rodrigues
Design Gráfico - Sílvio Rosado
Fotografias de Cena - Frank Saalfeld
Divulgação - Cristina Carvalho
Motion Design - Sofia Serrazina
Video Spot - Joana Domingues e Bruno Gascon

COMPANHIA DO CHAPITÔ
Esta nova criação colectiva da Companhia do Chapitô, a 37ª do seu repertório, explora o estilo de comédia visual e física que convida à imaginação do público e tem notabilizado este colectivo em palcos internacionais, reconhecido com uma série de prémios dentro e fora de portas.

Desde a sua formação em 1996, produziu 35 criações originais, apresentadas em Portugal e um pouco por todo o mundo: Alemanha, Argentina, Brasil, Cabo Verde, China, Colômbia, Costa Rica, Eslováquia, Espanha, E.U.A., Equador, Finlândia, França, Irão, Grécia, Itália, Noruega, Rússia, Suécia e Uruguai.

Horário:

20h00

Local:
Teatro Diogo Bernardes
Preço:

Os bilhetes (5,00€) estão disponibilizados na bilheteira electrónica (https://www.bol.pt/Comprar/Bilhetes/93121-napoleao_ou_o_complexo_de_epico_pela_companhia_do_chapito-municipio_de_ponte_de_lima/)

O número máximo de entradas a adquirir na bilheteira física, apenas no caso de existirem filas, será de 4 bilhetes por pessoa, cumprindo-se a lotação estabelecida em cumprimento do Plano de Contingência Covid-19, de acordo com a planta da sala adaptada em função do mesmo (https://www.facebook.com/teatro.diogo.bernardes/photos/pcb.3457943540904166/3457846717580515/).

- Lugares individuais na plateia e para coabitantes (2, 3 e 4 lugares) nas frisas e camarotes.
- Os bilhetes para as frisas e camarotes serão vendidos em bloco, na totalidade dos lugares.

Maiores de 12 anos.


Os bilhetes adquiridos são válidos para a nova data e os espectadores que queiram efectuar a devolução devem fazê-lo nos respectivos locais de compra.

A devolução na bilheteira física do Teatro Diogo Bernardes será a partir da data fixada para uma nova abertura ao público do edifício e por um período de 30 dias.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone 258 900 414 ou pelo email teatrodb@cm-pontedelima.pt.

Informação adicional:

MUITO IMPORTANTE:
- As portas abrirão, pelo menos, uma hora antes do início dos espectáculos e pede-se aos espectadores que compareçam mais cedo, com, pelo menos, meia-hora de antecedência para se efectuarem todos os procedimentos de segurança.
- Os espectáculos terão início à hora marcada.
- Não será permitida a entrada após o início dos espectáculos.
- Os espectadores devem cumprir rigorosamente todas as instruções dos assistentes de sala, devidamente identificados e em nenhum caso poderão trocar de lugares ou deslocar-se pelo recinto sem motivo justificado.
- No final de cada espectáculo, os espectadores deverão, obrigatoriamente, permanecer sentados nos seus lugares até serem instruídos pelos assistentes de sala para abandonar o recinto, por local diferente da entrada, de forma disciplinada e respeitando o distanciamento físico.

POR FAVOR, NÃO ESQUEÇA:
- É obrigatório o distanciamento físico de 2 metros no acesso ao recinto e às bilheteiras (a lotação da bilheteira do Teatro Diogo Bernardes é de 1 pessoa).
- É obrigatória a medição de temperatura de todos os presentes, sem registo escrito, à entrada do recinto.
- É obrigatória a higienização das mãos à entrada no recinto.
- É obrigatório o uso de máscara por parte do público durante todo o tempo dos espectáculos.
- A abertura do teatro será antecipada para assegurar o acesso atempado ao mesmo, devendo os espectadores dirigir-se de imediato aos lugares indicados pelos assistentes de sala, cumprindo rigorosamente as instruções dos mesmos.
- A permanência nos locais de atendimento deve ser limitada ao tempo estritamente necessário à realização do atendimento.
- O bar do Teatro Diogo Bernardes encontra-se encerrado.
- Nas instalações sanitárias, feminina e masculina, apenas serão permitidas duas pessoas em simultâneo, situação que será sempre controlada por um assistente de sala à entrada das mesmas.
- Não será permitida a permanência de espectadores no interior do Teatro Diogo Bernardes após o final dos espectáculos.

Agradecemos a colaboração de todos para continuarmos a oferecer Serviço Público de Cultura.