Passar para o Conteúdo Principal Top
Logótipo

municipio

2º Festival Internacional de Jardins

Publicações
2 fij 1 1024 2500
25 Janeiro 2006

VIEIRA, Ovídio de Sousa, [et.al] - 2º Festival Internacional de Jardins. Ponte de Lima: Município de Ponte de Lima, 2006. 133 p. ISBN 972-8846-08-8.

  • Preço: €5,00 (inclui o valor da taxa de IVA legal em vigor)
  • Como encomendar: contacte-nos através do e-mail: arquivo@cm-pontedelima.pt 

Introdução

O Festival Internacional de Jardins de Ponte de Lima é uma iniciativa, sem precedentes a nível nacional, que relança o gosto e culto pelo Jardim e pela jardinagem, numa ligação profunda com a preservação do património e com a defesa do ambiente.

Anualmente, a criação de doze Jardins efémeros selecionados por um Júri qualificado, permite a renovação do Festival e proporciona aos visitantes um contacto direto com as novas abordagens da conceção de jardins, com diferentes tendências criativas, com diversas visões no que respeita às correntes artísticas e com perspetivas inovadoras para o aproveitamento e fruição dos espaços públicos ao serviço das populações que, aqui, também manifestam a sua opinião.

Ficam, desta forma, criadas as condições para alcançar os objetivos do Festival: tornar mais conhecido o nome de Ponte de Lima, o que permite a atração de um número cada vez maior de visitantes; permitir o fomento de campanhas pedagógicas e de sensibilização relacionadas com as temáticas dos jardins, da jardinagem e das questões ambientais; e, por último, dar a oportunidade a todos aqueles que queiram criar um jardim de aqui o fazer, candidatando-se e apresentando os respetivos projetos que, através da criatividade, demonstrem que a conceção de um jardim, desde a combinação dos materiais inertes com as plantas à qualidade e seleção destas últimas, é uma arte sem limites e que pretende não mais que um fim ­ - a criação de um espaço denominado jardim.

O concurso motiva arquitetos paisagistas, gabinetes de arquitetura, escultores, universidades, escolas superiores, escolas profissionais, designers, construtores e empresas de jardinagem; enfim, um mundo de interessados ligados ao sector público e privado, mobilizando igualmente patrocinadores e mecenas que veem neste acontecimento uma grande oportunidade de promover o desenvolvimento duma terra e duma região que sem dúvida contribui para uma melhoria da qualidade de vida.

Cabe aqui uma palavra de apreço e de reconhecimento aos mecenas que patrocinam o evento e que permitem a sua continuidade, significando o garante e a sustentabilidade do Festival nos anos vindouros.
Mas para além dos citados profissionais e artistas e como pretendemos que o Festival esteja aberto a todas as tendências criativas, aqui esperamos por todos aqueles que pretendam criar um jardim no próximo Festival - em 2007 haverá uma temática obrigatória: "O Lixo na Arte dos Jardins". Se estiver interessado, consulte o regulamento em www.festivaldejardins.cm-pontedelima.pt e/ou contacte-nos através do e-mail festivaldejardins0cm-pontedelima.pt. Queremos, também, deixar aqui bem o expresso o número significativo de visitantes do ano de 2005 que ultrapassou as 60 000 pessoas, número que é a principal garantia que o projeto irá anualmente crescer e ganhará a estrutura necessária para ser um dos marcos nacionais de sensibilização e preservação do ambiente.

Ponte de Lima é a Capital Nacional dos Jardins!